segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Feliz ano novo!

Estamos no final do ano de 2010 e como de praxe a minha primeira mensagem será de celebração e votos de esperança para o próximo ano...


Espero que tenhamos no ano de 2011 mais paz, amor, alegria e realizações. Mas, na verdade, antes de tudo isso, desejo verdade às pessoas. Isso mesmo: VERDADE! Passei a observar as pessoas ao meu redor e estou chocada, espantada e sem reação ao ver como podemos ser mesquinhos, indiferentes e como julgamos de forma errada a inteligência do ser humano que nos escuta. Por essas e por outras, desejo VERDADE. Desejo que as pessoas sejam mais verdadeiras consigo mesmas e com o próximo (esse próximo pode ver o que vc, querido (a), tenta esconder e modificar).  Desejo que o sentimento que vc diz cultivar pelas pessoas seja além de verdadeiro, infinito e incondicional.
Desejo que vc, querido (a), seja mais prático, mais ativo (para o BEM, lógico). Desejo que pare de demonstrar um sentimento de dor e miséria que, no mínimo, não existe. Finja menos!
Desejo que vc pare de estampar esse falso sorriso em sua face. Digo sorriso para não dizer as falsas lágrimas de sangue, dor e doença que tanto vimos escorrer no seu sofrido rosto e nos inundar de pena.
Desejo mais humildade, vc não é melhor que ninguém, nem aqui nem na China! Velho esse ditado, né?! Tão velho como a sua tentativa de diminuir o próximo e se glorificar diante de um feito que nem foi tão grande assim! Narciso morreu afogado em sua própria imagem!
Desejo bom senso... muuuuuuito bom senso! Não demonstre ser aquilo que vc não é! Não se faça de intelectual, isso é horrível e no mínimo nojento! Não agüento mais ver os famosos PIMBAS, citando uma querida professora minha, os Pseudos Intelectuais Metidos à Bestas!!! Por favor, calem essas matracas disparadas a falar asneiras e discursos decorados!!! Queridos, se vcs (em toda a inteligência que diz possuírem) não sabem, em vários momentos, o silêncio é uma dádiva praticada pelos sábios, portanto fiquem um pouco mais calados!
Por falar em silêncio, “Desfaze-te da vaidade triste de falar” (Cânticos, Cecília Meireles). Será que a sua opinião é tão necessária assim ou vc está tentando fazer média? Se sua resposta for a segunda opção, fique calado e não passe a vergonha de falar o que não deve. Por favor, não se passe por ridículo, vc não precisa disso!
Desejo mais educação e respeito pelo próximo. Mas ter educação e respeito pelo outro não é obrigação? Desejo a vc mais senso de justiça e mais solidariedade.
Desejo mais fé... acredite em vc... (Nossa! Isso está parecendo os textos do Pedro Bial!!!) Pare com esse tom de vítima que vc assume! Faça as coisas acontecerem e não chore qd elas não acontecem! Vc tem que aprender a ver todos os riscos de um novo empreendimento!!! Se deu errado, que se f... Comece de novo, dar errado é normal!!!
NÃO DESISTA, caramba!!!
Desejo mais equilíbrio. Busque sempre harmonia em TODAS as suas atitudes!
Tenha opinião própria, não deixe que ninguém lhe diga o que fazer. NINGUÉM!!! Ouça os conselhos, pense e aceite somente aqueles que vc achar necessários. Mas não se deixe levar pelos outros!
Promova a paz colega!!!! Pare com as brigas e pirraças ao seu redor!!! Desejo mais lealdade, sabedoria e muito (muito mesmo) profissionalismo! (Acho que alguns nem sabem o que é profissionalismo)
Enfim, desejo mais humanidade a nós seres humanos (redundante?)! Que sejamos mais gente e menos bizarros!!!

3 comentários:

  1. vim, vi e gostei. Espero que continue...

    ResponderExcluir
  2. Ah, mais uma blogueira entre nós! Parabéns! Bjs Márcio!
    Veja o meu:
    www.teamopalmirinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. E eu desejo que vc continue com essa voz firme, sincera e muito necessária! bjs da Elaine

    ResponderExcluir